Notícias

02 de setembro de 2019

Alunos premiados na OBMEP 2018

Alunos do 6º ao 9º ano do Fundamental II foram premiados na Olimpíada Brasileira de Matemática – OBMEP 2019. Davi de Meira Mirahy e Anna Cunha Peixoto Franciscani, ganharam a Medalha de Bronze nível 1, e Pedro Leroy Faria e Bruno Melin Correa foram agraciados com Menção Honrosa. “É muito gratificante, como educador, ver os alunos deslanchando academicamente e conquistando a chancela de premiações importantes, como é o caso da OBMEP”, revela Maurício Carvalho, professor de Matemática da Unidade Nova Lima.

A cerimônia de premiação dos medalhistas aconteceu no sábado, 31 de agosto, na UFMG, quando o nosso Colégio foi representado pelo Maurício e Davi, com os seus familiares. “Eu, meu marido e toda a nossa família ficamos muito felizes e orgulhosos com a conquista do Davi, já recebemos vários elogios de professores e coordenadores do Colégio sobre a capacidade do nosso filho e esperamos que ele aproveite esse dom para alcançar os seus sonhos”, comemora Flávia de Meira, mãe do Davi e esposa do Ricardo Mirahy, pai do vencedor.

Os títulos conquistados enriquecem os históricos escolares dos campeões da Matemática na OBMEP, competição dedicada a identificar talentos. “Preparamos os nossos alunos para a vida e isso significa proporcionar a segurança que eles precisam para acreditarem em si, encorajando-os a protagonizarem a construção das suas trajetórias”, afirma Débora Reis, supervisora Pedagógica do 6° e 7° ano do Fundamental II.

O resultado passa a fazer parte do currículo dos estudantes, como propulsor na construção de carreiras de sucesso. O mais importante, porém, está mesmo no significado prático dessa conquista para a vida dos vencedores. A vitória nessa importante competição eleva os parâmetros para o enfrentamento de outros desafios e molda habilidades comportamentais consideradas como diferenciais no século XXI. “O educando que se propõe a concorrer em certames como esse já sai ganhando pela experiência que a prova impõe por si só, com a resolução de exercícios de complexidade avançada. Aqueles que conseguem se classificar em alguma categoria são considerados destaques e acabam carregando consigo um estigma positivo, que contribui para serem bem-sucedidos futuramente”, avalia Cristiane Lopes, supervisora Pedagógica do 8° e 9° ano do Fundamental II.

A OBMEP é uma competição dedicada aos alunos do 6º ano do Ensino Fundamental até estudantes universitários em nível de graduação. Tem como objetivo estimular os alunos a estudarem a Matemática, desenvolver e aperfeiçoar a capacitação dos professores, influenciar na melhoria do ensino e detectar jovens talentos.

“A participação em Olimpíadas acadêmicas é uma maneira de inserirmos os alunos em desafios que irão exigir testarem os seus conhecimentos e trabalharem concentração, controle emocional, autoconfiança e outras habilidades essenciais para se realizarem como pessoas e profissionais”, explica Rodrigo Gondim, coordenador da disciplina de Matemática no nosso Colégio.

Compartilhe